Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

Cálculo de emoção

Fiz um  cálculo exacto

Com uma circunferência de uma raio de emoção

Calculei algo abstracto

Com o tempo de vida do meu coração

 

Descobri o meu amor na matemática

Numa operação somei

Logo diminui os seus defeitos na pratica

Multiplicando assim, brinquei

 

Dividi comigo a sua tristeza e alegria

Deixando a lógica

Sugar a sua energia

 

Igualado à simples aritmética

Só com a música dos números

Que não se juntam com ética

 

 

Nota: Isto foi um poema que tive de fazer para Lingua Portuguesa sobre uma disciplina.

música: Defying Gravity - Glee
tags: ,
publicado por Joana às 14:20
link | comentar | ver comentários (6) | favorito
Domingo, 17 de Janeiro de 2010

Porquê?

Porquê eu? Porquê esperam sempre tanto de mim? Porquê esperam sempre que eu não os desiluda e que realize sempre tudo sem nada dizer? Porquê que as responsabilidades são sempre deixadas para mim como se fosse algo normal?

 

Sou apenas uma menina que quer crescer normalmente…

 

Será que a culpa é minha? Será que eu é que habituei mal? Será que eu fiz mal as minhas escolhas e agora achem que tudo tem de continuar com sempre foi? Não compreendem que cada um é diferente e que as suas escolhas devem ser feitas por si próprio? Não entendem que as mentes de cada um vão mudando com que o tempo?

 

As formas de pensar e de agir mudam. As responsabilidades aumentam, mas calmamente, não como um furação que temos de aprender a controlar de repente. Cada um ganha a sua vida e não vive para fazer viver os outros…

 

Porquê?....

 

Apesar de ele não ter nada a ver com o dito em cima, dedico este texto a Alguém

 

sinto-me: Melancólica
música: Here I am - Camp Rock
tags:
publicado por Joana às 16:08
link | comentar | ver comentários (7) | favorito